Dislipidemias são um dos principais determinantes de efeitos adversos à saúde,1 e é primordial que seus riscos sejam considerados.1 Indivíduos em maior risco necessitam de terapias hipolipemiantes de maior impacto, mas isso ainda não ocorre com a frequência necessária.2,3 

As diretrizes European Society of Cardiology/European Atherosclerosis Society (ESC/EAS) de 2019 recomendam tratamentos muito mais agressivos, principalmente para os grupos de mais alto risco.

Na Europa, 84% dos pacientes são tratados com hipolipemiantes em monoterapia.3 Entretanto, apenas 1 a cada 3 pacientes atingem as metas da ESC/EAS de 2019 com o uso da monoterapia.3 

Entre pacientes de muito alto risco, a proporção dos que atingem essas metas com monoterapia é ainda menor: 1 a cada 5 pacientes.3 Para que as diretrizes da ESC 2019 sejam atendidas, a terapia combinada tem que ser mais amplamente adotada.2,3 Além disso, a educação médica é importante: os médicos precisam conhecer e estar cientes do impacto do risco residual3 e da redução adicional no LDL necessária para cada paciente individual.1 

Para consultar número de registro, indicação, contraindicação, interações medicamentosas e reações adversas e fazer o download da bula de Zinpass Eze®, acesse.