Mozobil + G-CSF diminuiu o número de dias de aférese.1

O transplante autólogo de células-tronco do sangue periférico é a primeira opção para pacientes com linfoma recidivante ou mieloma múltiplo. O enxerto bem-sucedido correlaciona-se com o número de células progenitoras hemopoieticas CD34+ infundidas. No entanto, uma proporção de pacientes com linfoma ou mieloma múltiplo não consegue mobilizar células-tronco para o sangue periférico e não pode prosseguir para esse tipo de transplante.2 Muitas vezes, é um desafio prever a dificuldade em coletar a dose adequada de células CD34+.2

O transplante autólogo de células-tronco do sangue periférico é a primeira opção para pacientes com linfoma recidivante ou mieloma múltiplo.

Dessa forma, a tabela 1 apresenta a classificação dos pacientes de acordo com a mobilização das células-tronco para o sangue periférico proposta pelo The European Society for Blood and Marrow Transplantation.2