Meningite meningocócica pode acometer qualquer pessoa, em qualquer idade, por vários sorogrupos e temos vacinas disponíveis para prevenção.

A doença meningocócica do tipo bacteriana contagiosa grave, que pode deixar sequelas ou levar a óbito, se não tratada a tempo. É causada pela Neisseria meningitidis, existindo 12 sorogrupos identificados e sendo seis deles (A, B, C, W, X e Y) os responsáveis por quase todos os casos em todo o mundo.1

No Brasil, em 2019, tivemos mais de 15 mil casos (15.550) confirmados de meningite, sendo 30% (4.714) de causa bacteriana. Destes, 1024 foram meningites meningocócicas causadas pela bactéria chamada meningococo (Neisseiria meningitidis) e em 471 foi possível identificar quais os sorogrupos causadores da doença.2

Para mostrar que meningite meningocócica pode acontecer em qualquer idade, separamos os sorogrupos por idade de acordo com as recomendações dos calendários vacinais da SBIm (Sociedade Brasileira de Imunizações), em 2019:2


[TOOLTIPS] Em 2019 tivemos cerca de 246 óbitos por meningite meningocócica.

Existem vacinas para os sorogrupos A, C, W, Y e B disponíveis na rede privada para todas as idades. Na rede pública existe a vacina contra o Meningococo C em crianças menores de 5 anos de idade e a Meningocócica ACWY para adolescentes entre 11 e 12 anos, 11 meses e 29 dias de idade. No CRIE (Centro de Referências para Imunobiológicos Especiais), existe a vacina para Meningococo C, para todas as idades em pessoas portadoras de necessidades especiais, em critérios pré-definidos pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), além da vacina ACWY em critério mais restrito.1,3

Nos siga nas redes sociais:

icon_facebook icon instagram icon podcast